quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Hein?!

Eu sinto milhares de coisas ao mesmo tempo, e todas tão intensas, que já nem sei se posso defini-las. Já misturo todos os sentimentos e não percebo mais os que me trazem felicidade ou o oposto.
Na verdade, sei muito bem, mas não quero saber, tenho medo de saber e, mais ainda, de admitir. Sei que minha vida é uma desgraça e um erro fatal da natureza, mas sinto que gosto de sofrer. Uma vida vazia não vale nada, enquanto uma vida que seja recheada, ainda que de sofrimentos e lamúrias, dá idéias pra nossa cabeça, fortalece o raciocínio, embora enfraqueça o coração.
Sei que os milhares de personagens que invento não são nada mais, nada menos, que eu mesma. Mas é duro aceitar a hipótese, e pior ainda, é mostrar aos outros o que você é e o que sente, dando a cara à tapa, admitindo que o que te motivou a escrever aquilo foram seus próprios sentimentos, que a sua obra está transbordando de tanto você mesmo.
Se eu quero mudar? É claro. Não sei por onde começar. Não sou muito boa fazendo amigos, pelo contrário: sou tímida e anti-social. As mulheres me odeiam, mas os homens muito mais. Sou uma figura perdida pelo universo, sem ter um álbum em que ser colada, sem ter uma vida onde possa ser encaixada. A única coisa que posso fazer é isso aqui. Escrever sem pretensões de ser notada, para desabafar, embora com medo, pois como diz Clarice Lispector: “...tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo.”

PS: Não é pra entender.
PS2: Obrigada, Deus, por me permitir escrever. Já estou bem melhor depois disso.
PS3: Agradeço também aos que lerem e comentarem.

6 comentários:

Felipe disse...

Não é, mas dá pra entender =)

Vinicius Oliveira disse...

eu entendi que bom.. e que bom que voce agradece a Deus, por ter escrito isso.. hahaha parabens pelo seu blog. http://viniciusoliveiraa.blogspot.com

Cliff disse...

Você como sempre escrevendo perfeitamente bem, gosto como se expressa! Passa lá?
www.ruasdeinverno.blogspot.com

Gutemberghz disse...

Eu entendo como é se sentir deslocado desde modo. =/

Luisao disse...

Muito legal seu jeito de se expressar, e eu entendi tbm :D gostei do post.Parabens.
http://historiesland.blogspot.com/

WELHINJTON disse...

Parabéns pelo seu blog... bem legal!