terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Luisa

Luisa queria falar. Mas parecia que as palavras faltavam à sua boca, desapareciam, caíam para dentro, deslizavam pela sua língua até chegar ao estômago, embora nunca fossem digeridas. Cada sílaba não pronunciada era como um vômito ao contrário e deixava cicatrizes.
Luisa permanecia inerte, parada, paralisada. O mundo que girava ao seu redor não mais importava. Os olhos tentavam se esconder, embora a cada vez que eram vislumbrados refletiam a idéia de que o procurado fora achado.
Luisa pairava no ar, flutuava. Sentia as nuvens sob os seus pés e a lua embalar a noite sobre sua cabeça.
Luisa gostava da noite assim, fria, para que pudesse se aconchegar nos próprios braços ao som de outros passos; para se enlaçar em seu corpo ao admirar outro porto.
Luisa negava, embora sorrisse e, assim, consentisse.
Luisa queria tanto, mas tanto, que não conseguia. Quando olhava para ele toda a sensação da noite anterior renascia. Não encontrava maneiras de se aproximar, nem mesmo de se desapaixonar.
Um dia, Luisa ao invés de engolir as palavras, engoliu a euforia e toda aquela chama, que decidiu: não mais transpareceria. Disse algumas palavras, percebendo que por dentro morria. Ele fora muito gentil, e ela notara que desnecessária ansiosidade sua mente fortalecia.

*Inspirada pela música “Cherry Blossom Girl” da dupla Air.

23 comentários:

Thomaz Ribeiro disse...

Muito bonito o seu texto. Lê-lo é uma experiência de sentir o outro e sua angústia. Outro aspecto forte do que aqui está escrito é não saber defini-lo como poesia ou prosa. Parabéns.

Rejan disse...

Muito lindo seu texto, você tem um otimo talento *-*
Parabéns (:

bjs!

[Pulga] Anderson Ferreira disse...

Texto muito bem feito, e tem até rima. quem diria! Prossiga deste jeito para que as pessoas possam ler seus maravilhosos textos :)

THALES disse...

muito bom seu texto, vc escreve muito bem!!
otimo blog ^^

Jaqueline disse...

Muito bom o texto...vc escreve muito bem

Andrei Vinicius Morais disse...

Acabou que eu me apaixonei pela Luisa (rs)...

Melhor parte na minha opinião "Luisa pairava no ar, flutuava. Sentia as nuvens sob os seus pés e a lua embalar a noite sobre sua cabeça"...Texto que nos faz viajar nas palavras, eu ADORO. Realmente o texto é lindo.

Poesias disse...

Descrever o seu texto é algo inenarrável. Já conheci várias Luisas .

Tão sereno. Vou te segui . Venho aqui mais vezes.
Simplesmente perfeito.

Bruno A. disse...

Muuuito perfeito o texto ! Idéia ótima a de transformar em pessoas reais as musas de cada cantor em suas músicas ! Boa sorte com o blog :)

Zero disse...

uma prosa-poética? rsrs Fantástico! Tem ritmo mto interessante e faz a gente sentir as sensaçõe perfeitamente! Você é boa em descrição! ^^

bju
*:

Fêê Marqui disse...

Menina amei seu espaço e já estou seguindo!!!

Siga o meu também?

www.feemarqui.blogspot.com

beijão e eu voltarei por aqui!

Nova Quahog disse...

vamos sem tensões!!!

Nathy Carvalho disse...

pARABÉNS PELO BLOG,AMEI

Coisas Esotéricas disse...

Gostei, Bianca você e muito linda, escreve muito bemmm! adorei!

Seguindo você
bjs

O Universo das Meninas disse...

AQUI DE NOVO :D

Peterson Nemesis disse...

parabéns pelo blog.
sucesso.

Guilherme Bayara disse...

Uma delicia a leitura. A relação entre as palavras e os sentimentos. A tentativa de engolir um e involuntariamente engolir o outro.

Nossa, nem sei o que dizer.
Muito bonito!

Anônimo disse...

CA-RA-CA, garota! Quando você comentou no meu blog percebi q vc gostava de ler, mas num imaginei que escrevia tão bem! Muito bons seus textos! Amei mesmo, parabéns!

G.Barud disse...

Nossa hein, cacete, muito profundo. Você sabe escrever mesmo! Gostei gostei, eu vi outros posts também a adorei! Já que pelo jeito vc gosta de ler e talz, aproveita e da uma olhada no meu blog: http://umdestinoincerto.blogspot.com/

McFake disse...

fuquei curioso pra ouvir o som dessa dupla, vu baixar!
=D

______________
www.mcfake.net

Tirinhas Carismáticas disse...

texto muito bonito :D

♰'Verônica Barboza disse...

Texto muito bem feito...
Parabéns,pelo Blog! Abraços.

Igor Feijão disse...

Maneiro! escrever eh mto bom ne? =D

____]

Entra la no meu blog tb. Siga e comente!

http://seriadobretania.wordpress.com/

cesar disse...

Air é muito bom!
o seu texto foi extremamente sensível
tocou-me do inicio ao fim,trazendo-me sensações inexplicáveis a cada troca de palavras...
enfim adorei...
sempre lerei,quando atualizar me dá uma lembrada...
e se tu quiser eu lhe empresto os sonhadores...

tenho um texto com o nome de Luisa também,mas o meu é mais triste...